Você já se fez a seguinte pergunta: O que eu perco emagrecendo?

Durante meus processos de Coaching de emagrecimento eu sempre uso uma ferramenta por meio da qual ajudo minha cliente a entender melhor o motivo para não estar conseguindo sair do lugar.

Você sabia que a maioria das pessoas age em busca de algum prazer ou no intuito de fugir de alguma dor? Não sou eu quem estou inventando isso e também não é algo novo.

O filósofo grego Demócrito (460 a.C.) já afirmava que são a dor e o prazer os determinantes da felicidade e recomendava que:  “O melhor para o homem é levar a vida com o máximo de alegria e o mínimo de aborrecimentos”

Em 341 a.C. o filósofo grego Epicuro alegava que o homem sábio busca, acima de tudo, fugir da dor.

Dando continuidade a este pensamento, Aristóteles percebia o prazer como um bem, tendo em vista que a dor seria um mal que buscamos evitar, “O sábio procura a ausência de dor e não o prazer.”

Cito ainda Michel de Montaige: “Se a dor de cabeça nos viesse antes da embriaguez, bem que nos guardaríamos de beber com excesso. Mas o prazer, para nos enganar, vai na frente e nos oculta o que se segue.

Agora você vira e me pergunta: “Beleza, Mari, mas o que isso tudo tem a ver com meu emagrecimento?” Calma que eu vou explicar melhor…

Em algum momento você já parou para pensar que se você está onde está (sua zona de conforto), algum benefício deve estar ganhando com isso? E pode ser justamente por causa disso que você não consegue ter a persistência que tanto necessita. Vou dar alguns exemplos para ficar mais claro.

Almoço em família
Almoço em família

 

Talvez você já tenha escutado uma piada que fala assim:

Objetivo – emagrecer

Obstáculo – comida

Pois bem, tirando alguns poucos casos de problemas de saúde que possam estar te impedindo de emagrecer, provavelmente você GOSTA de comer, assim como eu. E por muitos anos eu enchi a boca para falar: se eu tiver que abrir mão de tudo que eu como, prefiro continuar gorda! E talvez você se identifique com esta frase.

Já pensou em conversar com parentes e amigos sobre a importância do seu objetivo?
Já pensou em conversar com parentes e amigos sobre a importância do seu objetivo?

Outra desculpa que eu escuto muito, também relacionada à comida, é: “Mas Mari, como eu vou falar para meu marido / namorado / filho / mãe / pai / tia / avó / amiga / colega de trabalho / chefe / periquito / cachorro / papagaio… que estou de dieta? Tem gente que não vai entender nem aceitar!” E eu concordo contigo, pode ser que você inclusive perca durante o processo de emagrecimento pessoas que hoje você considera muito importantes em sua vida. Mas aí eu te pergunto: caso você seja realmente importante para elas você não concorda comigo que uma conversa sincera, deixando claro a importância de seu objetivo, pode resolver esta questão?

Roupas que ficaram muito folgadas durante o processo
Roupas que ficaram muito folgadas durante o processo

“Mari, minhas roupas vão ficar todas largas, vou perder tudo!” E o que você pode fazer para minimizar esta perda?

“Mari, vou ter que acordar 4h da manhã para malhar e eu quero dormir mais um pouco.”

E por aí vai…

Então agora eu te recomendo fazer uma lista de tudo o que você PERDE emagrecendo e um plano de ação para que isso não te afete tanto. Depois deixa um comentário contando se te ajudou.

Baixe GRATUITAMENTE Meu eBook
Guia prático para controlar seu principal inimigo no emagrecimento: sua mente!

 

ebook mariana